Saltar ligações

YNG Sharks eliminados da ESL Pro League

Por RTP Arena em

Depois da vitória sobre os North, foi a vez de os YNG Sharks encontrarem os Na’Vi na lower bracket da semi-final do grupo B.

O jogo em b03 viu os mapas Nuke, Dust2 e Mirage a serem disputados com a partida a terminar favoravelmente para os Na’Vi, que ganharam por 2-0.

Sobre o resultado, Hélder “Coachi” Sancho comentou: 
“Ficámos tristes depois de ontem vencermos os North. Acreditávamos que hoje podíamos fazer uma exibição parecida. Os mapas não ajudaram muito, foram mapas complicados para jogar no nível Tier 1.
Acho que houve muitas rondas que podiam ter pendido para nós, que fariam toda a diferença. Houve um 2 contra 2 do nak e do exit no A com bomba plantada que podia ter dado quebra financeira aos Na’Vi
e, aí, o jogo teria sido mais equilibrado. Começámos no melhor lado, a CT, a perder logo 5-1; depois fizemos muitas rondas, mas já não o suficiente para acabar com um bom side, o que tornou o jogo todo mais difícil, mas acho que o Nuke foi um mapa bem jogado.

Agora que a luta pela presença na ESL Pro League terminou, a equipa já está focada nos próximos desafios:
“O próximo torneio é o PLG, nos Emirados Árabes Unidos, que é um grande evento também. Vai ser mais uma viagem engraçada e mais uma história para contar, mas vamos lá com objetivos muito altos. Queremos mostrar outra vez às pessoas o CS que sabemos jogar, a nossa qualidade. Estamos confiantes para fazer um bom torneio. Ainda ficamos na Dinamarca até dia 10 a treinar bastante com as melhores equipas do mundo para depois irmos diretamente para o próximo torneio, nem sequer voltamos a casa. Agora é preparar muito para fazer uma boa prestação lá fora”.

 

Lê as últimas novidades dos esports aqui.