xQc

Mais um escândalo paira nos escritórios da Activision Blizzard, desta vez pela boca do xQc.

Numa stream especial do Hasan em que se falava sobre as uniões de trabalhadores – sindicatos e o xQc foi convidado a conversar sobre este tema. Ao vivo e sem papas na língua, referiu que durante o seu tempo na Overwatch League várias foram as vezes que os jogadores pensaram em avançar com uma união de jogadores.

Em causa estão contratos extensivos que quando postos em causa pelos jogadores foram defendidos pela liga. Falou ainda da pressão de que os jogadores teriam 24h para assinar ou desistir não permitindo tempo para discutir o contrato entre eles.

Para além do xQc, também no ano passado, Seagul já havia falado sobre a necessidade de criar uma associação de jogadores para proteger os direitos dos mesmos frente à empresa. A liga deixou recentemente de lado várias regras que impediam a subida de salários para jogadores, medida que foi recebida de forma mista entre os intervenientes.

Lê as últimas novidades dos esports aqui.

PUB