mousesports

A equipa dos Mousesports comunicou no passado dia 4 de Fevereiro as mais recentes alterações à sua equipa de CSGO. A equipa não vinha a passar por um momento propriamente favorável, tento em conta a desilusão que foi a participação no Minor europeu em Katowice na Polónia. A equipa que na altura ocupava a quarta posição no ranking da HLTV, vinha a demonstrar sinais de desgaste no seu núcleo.
A equipa não era estranha a este tipo de problemas, com várias situações internas a tornarem-se públicas ao longo dos últimos anos que por várias vezes resultaram no afastamento de jogadores da equipa principal. Um dos casos mais polémicos a envolver a equipa alemã aconteceu em Janeiro de 2017 quando Tomáš “oskar” Šťastný, que tinha sido movido para a posição de substituto meses antes, acabou por regressar ao quinteto inicial da equipa para Chris “ChrisJ” de Jong seguir no sentido inverso.

Um dos jogadores alvo destas mudanças foi justamente o capitão holandês que acaba por deixar a equipa dos Mousesports ao final de nada mais nada menos que cinco anos a representar a organização alemã. A Chris “ChrisJ” de Jong, junta-se também na saída da equipa Martin “STYKO” Styk que simplesmente não encaixou na equipa, tendo inclusive tido uma breve passagem pela equipa americana dos Cloud9 em Setembro de 2018 chegando a estar presente no Faceit Major em Londres com prestações bastante promissoras.
Para além dos dois jogadores da equipa, o treinador da equipa, Sergey “lmbt” Bezhanov, o treinador principal da equipa acaba também por abandonar a mesma. Em comunicado, a organização alemã não levanta o véu sobre o futuro tanto dos elementos de saída da equipa como sobre as novas contratações que terão de ser feitas para completar a equipa.
 
Lê as últimas novidades dos esports aqui.

PUB