pizituh

O Pizituh anunciou nesta noite através do seu canal da Twitch o fim da ligação ao projeto DarkSide Quest, avançando que se vai retirar do CS:GO competitivo.

Com 28 anos, Filipe Pires ficou sem organização em finais de 2020 com a saída da eXploit, reunindo-se com antigos colegas de equipa (ZELIN e Zlynx) numa equipa que se inscreveu na ESEA Main S36.

Reduzida recentemente a quatro elementos com a saída de story para a FTW, a DarkSide Quest ficou inativa na liga internacional com três derrotas por falta de comparência nos últimos três jogos, confirmando-se agora o fim do projeto com os jogadores disponíveis para propostas.

Incapaz de se dedicar futuramente ao CS:GO a 100%, Filipe “Pizituh” Pires decidiu colocar um ponto final na sua participação em competições, pegando novamente nos estudos para preparar o seu exame de especialidade na área da Medicina.

O antigo jogador de equipas como K1CK, Alientech, KPI, OFFSET e eXploit irá continuar com as suas transmissões na Twitch mas com ajustes a nível de horários, deixando de ser a sua prioridade uma vez que o futuro do próprio passa pela Medicina, conforme anunciado.

Desde 2014, o português iniciou a sua caminhada para se tornar num dos jogadores com mais historial e conquistas a nível nacional no CS:GO, destacando-se entre elas a vitória na DreamHack Valencia 2016 e a presença nesse mesmo ano na ESWC em Paris.

Mais recentemente, Pizituh fez parte do elenco da eXploit que triunfou na Grande Final da LPCS 2019, ganhando acesso e disputando o OMEN Atlantic Challenge na Lisboa Games Week.

Lê as últimas novidades dos esports aqui.

PUB