Saltar ligações

Vodafone Giants confirmam rejeição da EU LCS

Por RTP Arena em

A organização espanhola dos Vodafone Giants confirmou, através do seu Twitter em inglês que não fará parte da temporada de 2019 da European League of Legends Championship Series (EU LCS) que será marcada pela introdução de um modelo de franchise.

Tal como noticiámos no dia de ontem, os Giants estavam entre o leque de equippas cujas candidaturas não foram aceites na EU LCS junto com H2K+PSG, Splyce, Unicorns of Love e Team ROCCAT.

No comunicado pode ler-se: “Infelizmente, os rumores são verdade. Os Giants não vão fazer parte do novo sistema de parceria a longo-prazo que a Riot está a construir para 2019. Sabemos a frustração que os nossos fãs podem sentir e, por isso, emitimos este comunicado.” O texto, na integra, pode ser lido no tweet incorporado abaixo:

Termina, assim, a aventura dos Giants pela EU LCS depois de três anos seguidos a competir na liga de topo do League of Legends Europeu. A organização terá direito a uma compensação de saída que é paga pelo excedente da taxa de inscrição pago pelas novas equipas a entrar na competição. Estas novas equipas pagarão oito milhões de euros mais uma taxa adicional de dois milhões e meio de onde virá a compensação para as equipas que estão de saída. A organização terá, assim, que vender o contrato dos seus jogadores ou então libertá-los dos mesmos para que possam assinar por outras equipas como jogadores livres.

Os Vodafone Giants deverão continuar a competir em League of Legends dada a sua participação na Superliga Orange. A organização compete, também, em Call of Duty, Hearthstone, CS:GO, FIFA e Clash Royale.

Lê as últimas novidades dos esports aqui.