Saltar ligações

Antevisão: Hearthstone Campeonato de Portugal

Por RTP Arena em

Com os qualificadores já terminados, chega a altura de olhar para os oito qualificados para a primeira edição do Hearthstone Campeonato de Portugal (HSCP), falar um pouco deles e da competição em si.

O Hearthstone Campeonato de Portugal é uma competição em estilo de liga que vai distribuir 1500€ em prémio monetário pelos participantes. A competição começa no final deste mês de Abril e os 8 participantes jogarão na mesma até 31 de Julho.

Antes de contextualizar e falar um pouco dos apurados no primeiro qualificador é importante realçar que os tipos de baralho de que falaremos daqui para a frente terão algumas variações introduzidas pelos jogadores. Posto isto, o primeiro torneio de qualificação decorreu nos dias 7 e 8 de Abril e teve 79 jogadores inscritos mas apenas 4 se apurariam para o HSCP.

Nuno”Rapture” Ribeiro, da For The Win Esports foi o vencedor do OMEN | FNAC Hearthstone Challenge #2 na Comic Con 2017 e, com isso, recebeu a seed 1 para este qualificador que jogou. O line-up de decks que levou consistiu em Freeze Mage, Control Demon Warlock, Spiteful Priest e Murloc Paladin preparado para enfrentar Paladins e Warlocks. Rapture fez 5-2 nas rondas suíças do torneio, perdendo apenas para o Tiësta, que terminou o swiss em 1º lugar e para o werlin, outro jogador de qualidade inegável que treina com jogadores conhecidos na scene como o Wolfheart e o edmvyrus, de quem falaremos mais à frente. No corte dos oito melhores acabou de por ter a desforra da sua primeira derrota e qualificar-se para o HSCP. Rapture está, provavelmente, no seu melhor momento de forma desde que saiu vitorioso da Exponor que terminou a série de chokes em etapas finais que vinha a ter. Impossível não tomar o Nuno como uma garantia nos lugares cimeiros da tabela classificativa do HSCP.

O segundo qualificado foi o Guilherme “TheViper94” Oliveira. Este é o segundo de quatro jogadores da For The Win Esports Club presente na liga e, indiscutivelmente, um dos melhores jogadores de decks Control em Portugal. Conhecido, especialmente, pela sua capacidade em pilotar Warriors mais focados em Control, TheViper trouxe a este qualificador um conjunto de decks que evidenciava estar preparado contra decks com um estilo mais agressivo e Inner Fire Priest: Fatigue Warrior, Big Spell Mage, Control Dragon Priest Control Demon Warlock. TheViper terminou o swiss stage com um score de 6-1, ficando em segundo lugar por tiebreaker tendo apenas uma derrota contra o Tiësta. TheViper é um verdadeiro estudioso do jogo e é extremamente dedicado ao mesmo. Durante o mês de Janeiro jogou 4 qualificadores em 4 dias para o HCT Germany e em Março esteve no HCT Tour Stop: Bangkok onde ficou a apenas uma vitória de se qualificar para o segundo dia. Tudo isto enquanto conseguiu um top50 e dois top200 na ladder durante os três primeiros meses do ano, amealhando 24 pontos. Dada a consistência e capacidade de estudo do adversário que se vê no TheViper este é, à partida, um candidato à vitória do Hearthstone Campeonato de Portugal.

O terceiro jogador qualificado é um jogador que passou um pouco por baixo do radar da maioria da malta mas que não é de estranho à scene competitiva ou aos bons resultados. Rui “Heka” Palaio é jogador da MYOB Gaming. Só começou a competir em 2018 e, com apenas dois torneios na cartilha, tem um segundo lugar num Tavern Hero e a qualificação para o HSCP. Neste primeiro qualificador, Heka apresentou um line-up de baralhos com Spell Hunter, Control Dragon Priest, Burn Mage e Dude Paladin. Ainda que não haja muita história por trás de Heka, o resultado de 6-1 nas rondas suíças, perdendo apenas contra o colega de equipa riccg2 e tendo vitórias contra jogadores como o Nuno “DrBoom” Ferreira, é certamente de respeitar e deve ser considerado uma ameaça a todos os jogadores em prova.

Por fim, o último apurado neste primeiro qualificador: Duarte Madeira. O único jogador do Hearthstone Campeonato de Portugal que usa o próprio nome como gamertag é a mais recente adição da For The Win Esports Club ao seu esquadrão de Hearthstone, tendo sido anunciado no clube vermelho e preto há menos de 48h. Duarte jogou, neste qualificador com um alinhamento de baralhos que consistiu em Quest Rogue, Quest Mage, Cube Warlock Control Dragon Priest. Nas rondas suíças, Duarte terminou com uma pontuação de 5-2. Ele era, na quinta ronda do torneio, o único jogador com cinco vitórias e isso garantia-lhe o apuramento para o corte dos 8 melhores, independentemente dos resultados que se seguissem. Duarte apurou-se para o HSCP com uma vitória por 3-1 sobre o Tiësta na ronda 2 da losers bracket do top8, depois de ter perdido contra o TheViper94. Duarte não é um jogador com muito historial e apenas compete há alguns meses. Contudo, estar integrado no seio da FTW onde os colegas de equipa são as maiores powerhouses do Hearthstone em Portugal faz deste jovem jogador um candidato à vitória de qualquer partida.

É de destacar, ainda, a participação de André “Tiësta” Sá dos Grow uP Esports que teve, provavelmente, um dos percursos teoricamente mais difíceis do torneio, onde enfrentou SaintJohn, TheViper94, edmvyrus, JokerofChaos, werlin, Rapture e TrixHula nas rondas suíças, tendo sido apenas derrotado por este último e pela margem mínima (2-3) e terminado em 1º lugar. No corte do top8 foi derrotado pelo Rapture e pelo Duarte. Em 9 jogos, Tiësta enfrentou 4 jogadores actualmente apurados para o HSCP e venceu-os todos. Uma prestação certamente merecedora de uma qualificação para a liga mas as derrotas em alturas erradas acabaram por sair-lhe caras.

Todas as decklists completas de todos os jogadores participantes no Qualificador #01 podem ser consultadas na página do Battlefy para o torneio.

O segundo qualificador decorreu 7 dias depois do primeiro, nos dias 14 e 15 de Abril. Dos 70 inscritos neste qualificador apenas 4 jogadores se apuraram e completaram a lista para o Hearthstone Campeonato de Portugal. O primeiro deles foi o João “Wolfheart” Dias, actual jogador dos Electronik Generation. O Wolfheart irrompeu na scene competitiva nacional durante o ano de 2017 após uma série de bons resultados consistentes que culminou com um segundo lugar num dos torneios da Lisboa Games Week e a um vitória do main event do OMEN | FNAC Hearthstone Challenge #2. Para este qualificador, Wolfheart apresentou-se com Cube Warlock, Inner Fire Priest, Even Pladin e Token Giant Druid e foi o único jogador em ambos os qualificadores a não perder qualquer série: 7-0 nas rondas suíças e 2-0 no corte do top8 mostrando, assim, uma boa preparação e aquilo que se antecipa ser o inicio de um bom momento de forma deste jogador a caminho do Hearthstone Campeonato de Portugal.

Outro qualificado neste segundo torneio foi o Miguel “edmvyrus” Simões, o quarto e último jogador da For The Win Esports Club da lista de participantes no HSCP, fazendo com que esta competição seja disputada a 50% por jogadores de fénix ao peito. O edmvyrus surgiu na primeira edição do OMEN | FNAC Hearthstone Challenge ao vencer o qualificador online para o mesmo. Desde então, edmvyrus tem sido um jogador promissor no panorama nacional de Hearthstone capaz de uma dedicação impressionante ao jogo e de resultados consistentes que fazem dele um adversário a respeitar mesmo antes de qualquer partida começar. Neste torneio que lhe garantiu a presença no Hearthstone Campeonato de Portugal apresentou-se com Even Paladin, Inner Fire Priest, Token Giant Druid e Cube Warlock com o objectivo de anular baralhos mais agressivos e não jogar contra outros Cube Warlocks banindo-os. O Miguel acabou as rondas suíças com um score de 5-2 passando ao top8 final onde venceu os dois jogos que lhe valeram a presença na liga de Hearthstone.

Foto de For The Win Esports Club.

O sétimo jogador apurado para o HSCP trata pelo nome de Miguel “BMS13” Gonçalves. Este começou a jogar há 1 ano e é membro da ASP Esports e é um dos jogadores a ter em conta nesta primeira edição do Hearthstone Campeonato de Portugal por ser dos menos conhecidos. É possível de ver que este ano de 2018 foi quando iniciou a sua maior dedicação ao jogo no que toca à vertente competitiva do mesmo, tendo já jogado 7 torneios internacionais desde o inicio do mesmo: 4 qualificadores para o HCT Germany e 3 Challenger Cups. Com um score de 7-2 durante o torneio, derrotado apenas pelo Wolfheart e pelo Tiësta e vitórias sobre jogadores como o miguers e o Ginger – todos eles jogadores de uma qualidade inegável -, o Miguel Gonçalves vai agora tentar dar continuidade a esta boa prestação na liga de Hearthstone depois de se ter qualificado com Burn Mage, Cube Warlock, Pirate Paladin e Control Dragon Priest.

O último jogador a apurar-se para o Hearthstone Campeonato de Portugal foi o José “Brinsiguer” Ferreira e é outro dos jogadores a ter em especial atenção neste HSCP. Não é um jogador tão conhecido no panorama nacional e não há muita informação sobre ele disponível, sendo que o próprio admite ser um jogador mais casual e isso reflecte-se nas suas apenas três participações em torneios no ano de 2018 (no que toca à plataforma Battlefy), sendo que dois deles são os qualificadores para o HSCP. Só por isso, já poderá ser um jogador-surpresa durante os meses de competição que se seguem.  Nas rondas suíças deste segundo qualificador, Brinsiguer conseguiu uma pontuação de 5-2 que lhe valeu o oitavo lugar da classificação e o apuramento para o corte dos oito melhores onde encontrou o Wolfheart e depois de uma derrota pela margem máxima foi enviado para a losers bracket. Não desistindo, o José conseguiu as duas vitórias que lhe valeram o apuramento para o Hearthstone Campeonato de Portugal a começar dentro de, sensivelmente, duas semanas. Para este qualificador, Brinsiguer trouxe um line-up consistindo em Cube Warlock, Odd Paladin, Odd Warrior e Control Dragon Priest.

Todas as deckslists completas de todos os jogadores participantes no Qualificador #02 podem ser consultadas na página do Battlefy para o torneio.

O Hearthstone Campeonato de Portugal começa no final deste mês de Abril e será transmitido no canal da Twitch da RTP Arena, onde poderás acompanhar toda a acção.

Não te esqueças de seguir o Hearthstone Campeonato de Portugal no Facebook para ficares a par de todas as novidades.

Lê as últimas novidades dos esports aqui.